terça-feira, 23 de agosto de 2011

Eutanásia



Diante de situações de doenças incuráveis e terminais e os traumatismos não tratáveis por meios clínico-cirúrgicos como atropelamentos, que resultam em morte cerebral, e do cenário clínico, a eutanásia em animais domésticos, é uma questão de bom-senso e sua decisão não é tarefa fácil.

Nos casos em que for necessária a eutanásia, o óbito deverá ocorrer sem que haja sofrimento e sem a precedência de estresse adicional. O procedimento com base nesse princípio é denominado “eutanásia”, que etimologicamente significa morte sem sofrimento ou “boa morte”, termo derivado do grego: eu (bom) e thanatos (morte).

A eutanásia é uma prática delicada e difícil com o qual se depara o médico veterinário e o proprietário do animal. Embora o animal não sinta nada no procedimento, que não dura mais do que cinco minutos, a dor da despedida quase sempre deixa marcas em muitos proprietários, que demoram a sarar.

A eutanásia é sempre a última solução.
Sem indicação clínica não há eutanásia.

O que fazer com o corpo?

Cemitério de animais no Brasil é relativamente recente, começou a surgir no final da década de 80 e se popularizou a partir de 1995. A República dos Animais encaminha os animais que morrem para A Reviver, que fica no bairro Bandeirinhas em Betim. É um local grande, arborizado, calmo, com espaço para velório, para que os donos dos animais possam passar alguns momentos antes do enterro na companhia dos seus animais.
Os animais de estimação são enterrados em jazigos individuais ou coletivos em urnas em diversos tamanhos, feitas de papel e os túmulos são marcados por uma lápide.






Animal na sala de velório



Área do cemitério

2 comentários:

  1. Priscila
    Só de ler me dói o coração, saudades de minha Lassye querida. Foi uma decisão difícil e até hoje choro por ela, dia 16 de agosto completou 03 anos sem a minha princesinha muito amada que nunca será esquecida.
    Espero não ter que passar por isso de novo, (que os meus partam de forma natural, mas se preciso for fazer o quê? Ainda bem que agora posso contar contigo.
    E o valor de um enterro mais simples num cemitério desses? é muito caro?
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Graça,
    é uma decisão difícil mesmo, e dolorosa.

    O enterro no jazigo coletivo é R$300,00 e no jazigo individual R$750,00.

    ResponderExcluir