segunda-feira, 16 de abril de 2012

Ovariohisterectomia em uma cadela diabética

Graça retirou da rua, sua cadela Preta há 15 anos atrás, de lá para cá ela participou ativamente de todas as emoções, transformações que uma família pode viver.  E agora ela, Preta, também está na terceira idade.

Graça deu oportunidade ao seu animal de estimação para aproveitar a vida plenamente, evitando que ela sofresse sem necessidade.


Para que isso acontecesse, foi necessário preparo do animal e de seu dono sobre os riscos e consequências.

A primeira etapa do procedimento cirúrgico iniciou quatro dias antes da cirurgia. Como postado anteriormente, Preta é também diabética, e a castração é uma recomendação para o controle dessa doença.

Iniciamos o preparo do paciente com uma curva glicêmica, de 2/2 horas, por um período de 12 horas, que foi realizado na sua casa, para que os seus valores não ficassem comprometidos.

Animal estabilizado, partimos para outras análises e avaliações, que também não deram alterações significantes.


A cirurgia de Ovariohisterectomia foi realizada de manhã, para que acompanhássemos com o máximo de atenção, o animal no pós operatório durante todo dia. 


O resultado foi um sucesso. Preta retornou em 24 horas para casa, e ficou sobre os cuidados zelosos da Graça.

A nossa história teve um final feliz, e o objetivo de todo esse risco foi promover qualidade de vida, para um animal idoso e diabético.



Quero agradecer a Graça.
Sei que ela ficou muito angustiada nesses dias entre o pré operatório, a cirurgia e o pós operatório, mas ela resistiu com muita fé e confiança. Acredita em nosso trabalho e não abandona seus animais quando ficam doentes ou velhos.
E a M.V. Letícia Godoy. que também teve participação nesse procedimento.




Um comentário:

  1. Priscila
    Mais uma vez aqui estou em agradecimento a Deus, você, Leticia e toda equipe REPUBLICA DOS ANIMAIS.
    Não teve como não me emocionar com esse depoimento, Preta é tudo para mim e família, nossa amiga, companheira, sua meiguice e amor nos contagia.
    São 15 anos com esse anjo maravilhoso que Deus colocou em nossas vidas.
    Agora ela não sente dores, voltou a banar o rabinho e a cada dia mais carinhosa, valeu a pena toda angústia e preocupação, mas a confiança em Deus e no profissionalismo de vocês nunca perdí as esperanças.
    Aproveito o espaço para implorar as pessoas que cuidem de seus animais, nunca os abandone,e se puderem adote um abandonado e conhecerás um amor ímpar.
    Meus sinceros agradecimentos Priscila.
    Lambeijos de Preta.
    Deus a abençoe
    Graça

    ResponderExcluir